Postado em 26 de Março às 16h24

5 principais desafios da indústria 4.0

Artigos (91)
P&P Consultoria - Desenvolvimento Humano e Organizacional Estamos em meio à quarta revolução industrial, ou Indústria 4.0, como é mais conhecida. Claro que, junto de grandes oportunidades, surgem grandes...

Estamos em meio à quarta revolução industrial, ou Indústria 4.0, como é mais conhecida. Claro que, junto de grandes oportunidades, surgem grandes desafios. A indústria 4.0 está cada vez mais presente e, para competir no mundo de amanhã e além, as empresas devem evoluir com o tempo.


A pergunta é: Você está pronto para a próxima geração da indústria? E quais serão os principais desafios que você enfrentará no futuro próximo?
São cinco os principais desafios que deverão ser superados pelos líderes de negócio neste cenário: segurança, falta de habilidade, tecnologias legadas, Inteligência Artificial (IA) e, claro, conectividade.


Em primeiro lugar, a segurança dos dados certamente deve ser uma grande preocupação no cenário 4.0. A combinação de sistemas físicos e digitais em uma fábrica inteligente possibilita a interoperabilidade em tempo real – mas traz o risco de uma superfície de ataque expandida.
Com inúmeras máquinas e dispositivos conectados a redes únicas ou múltiplas na fábrica inteligente, as vulnerabilidades em qualquer um desses pontos de conexão com a rede de dados podem abrir o sistema para o ataque.


As empresas precisarão antecipar as vulnerabilidades do sistema corporativo e as vulnerabilidades operacionais no nível da máquina.
Em segundo lugar, temos a falta de pessoal com as habilidades necessárias para aproveitar todos os benefícios da indústria 4.0. Para implementar com sucesso novas tecnologias e otimizar as operações, a empresa deve ter uma força de trabalho que possua “destreza digital”.
Ou seja, as pessoas precisam entender como as ferramentas digitais podem auxiliar os processos de fabricação a se tornarem mais fluidos, reduzindo os desperdícios e os gargalos, evitando falhas com medidas preditivas e aumentando a eficiência operacional da planta.


Outro desafio a ser enfrentado pelos líderes de negócios é a integração e interoperabilidade de todas as tecnologias legadas. Lidar com sistemas legados é uma luta contínua, e não é novidade. Hoje, no entanto, as empresas já entenderam que, sem interoperabilidade, a sua capacidade de inovar é limitada. Por isso, é preciso contar com um fornecedor, ou melhor, um parceiro, capaz de trabalhar em conjunto para desenvolver e implementar soluções que enfatizem a modularidade, que ofereçam caminhos para atualizações ao longo do tempo e integrando as diversas soluções.


E como a principal premissa da indústria 4.0 é criar um ecossistema cada vez mais autônomo e altamente cognitivo, precisamos contar com tecnologias como a Inteligência Artificial – processo que é o nosso quarto desafio – para acelerar ainda mais a eficiência e criar novos modelos de negócio, produtos e serviços a partir dos dados coletados e analisados em toda a cadeia produtiva. E não podemos deixar de lado a oportunidade oferecida pela IA de implantar estratégias preditivas de gestão de ativos nas plantas.


E, finalmente, temos a conectividade, que vai permitir que a indústria 4.0 seja uma realidade, integrando sistemas, compartilhando dados e transformando toda essa tecnologia em inteligência. Para isso, é preciso contar com soluções de conexões inteligentes, como as oferecidas pelas redes MESH, capazes de atender às necessidades das mais diversas indústrias, independentemente de sua localização. Assim, para prosperar e realmente sobreviver no cenário da indústria 4.0, você precisará analisar cada um dos desafios acima e agir o mais rápido possível.


Mas é importante lembrar que, acima de tudo, a indústria 4.0 exige que as empresas e organizações adotem uma nova mentalidade e cultura, entendendo o poder da interconectividade entregue pelas novas tecnologias. Ao adotar uma nova mentalidade, atualizar a cultura da empresa, adaptar seu modelo de negócios, criar novas funções e preparar os talentos necessários para cumprir essas funções, e contar com os parceiros que dominam as tecnologias e de como aplicá-las no processo fabril, certamente a sua jornada rumo à indústria 4.0 será bem-sucedida.


Fonte: Melhor Gestão de Pessoas 

Veja também

“O digital deixou de ser o futuro e passou a ser o presente”15/07 Com uma crise que não estava em nenhum manual de comunicação, foi o momento de olhar para dentro e refazer as estratégias. “Do dia pra noite, a comunicação interna virou a menina dos olhos. Era fundamental para manter todos os colaboradores de maneira saudável e informados no home office. Lembrando que não é um home office igual, é com......
Como usar o melhor das inteligências?28/01 O equilíbrio entre IA e IE deve levar em conta dois fatores importantes para o mundo dos negócios: o desempenho e a inovação Com o avanço da tecnologia, da velocidade das informações e da conectividade,......
Os inimigos do engajamento e da produtividade23/03/20 Estudo verifica alguns dos fatores humanos que mais impactam o engajamento e a produtividade O estudo “Impacto do bem-estar na vida profissional”, fruto da parceria entre ABRH-Brasil, Mapa de Talentos e Waggl Brasil, traz algumas pistas......

Voltar para COMPARTILHANDO

USO DE COOKIES

Nós utilizamos cookies com objetivo de prover a melhor experiência no uso do nosso site. Por favor, leia nossa Política de Privacidade e nossos Termos & Condições para entender quais cookies nós usamos e quais informações coletamos em nosso site. Ao continuar sua navegação, você concorda que podemos armazenar cookies no seu dispositivo. Leia nossa Política de Privacidade.