Postado em 29 de Junho de 2018 às 16h48

A IMPORTÂNCIA DO RH ESTRATÉGICO NO PROCESSO DE RECRUTAMENTO

Artigos (91)
P&P Consultoria - Desenvolvimento Humano e Organizacional Pesquisa alerta para lentidão nos processos de recrutamento e seleção de candidatos Processos de recrutamento longos, complexos e com retorno muitas vezes...

Pesquisa alerta para lentidão nos processos de recrutamento e seleção de candidatos

Processos de recrutamento longos, complexos e com retorno muitas vezes demorado estão prejudicando as chances que uma empresa tem de contratar os melhores talentos no mercado. Mesmo com a tecnologia jogando a favor com a área de Recursos Humanos, ainda existem processos que desgastam candidatos pelo tempo de duração e burocracia.
De acordo com pesquisa da Robert Half, realizada em dezembro de 2017 e janeiro de 2018, com base na percepção de 9 mil candidatos a emprego na Austrália, Áustria, Bélgica, Brasil, França, Alemanha, Hong Kong, Holanda, Singapura, Suíça e Reino Unido, 84% dos 1000 profissionais brasileiros entrevistados já aceitaram uma segunda opção de oportunidade de emprego porque o empregador de sua preferência demorou muito para responder. Na média global, esse índice cai para 67%.
Outro dado de destaque do estudo que chama a atenção é que mais da metade dos candidatos brasileiros, 55%, teve que esperar um mês ou mais para ter um retorno relativo ao processo para o qual foram entrevistados: 22,1% esperou um mês; 6,3%, seis semanas; 10,8%, dois meses; 6,2%, três meses; 3,9%, seis meses; e 5,7% só receberam contato após mais de seis meses. Apenas 4,1% tiveram um feedback no mesmo dia.
“O processo de recrutamento deve ser entendido pelas empresas como uma ação estratégica, principalmente em momentos de retomada do mercado, quando a disputa por profissionais talentosos fica ainda mais acirrada”, ressalta Fernando Mantovani, diretor-geral da Robert Half, que completa: “É preocupante saber que, mesmo cientes das próprias qualidades, tantos candidatos estão recusando o emprego de seus sonhos porque tiveram que esperar tempo demais para o retorno de uma entrevista”.
Período ideal para retorno
Com relação ao prazo ideal para retorno sobre uma entrevista de emprego, 37,8% dos profissionais brasileiros entrevistados disseram estar dispostos a esperar até uma semana, 27,3% acreditam que duas semanas é o período ideal e 19,3% esperariam até um mês.
A pesquisa traz um importante alerta para que os RH das empresas controle o tempo para retorno ao candidato sobre uma vaga em que ele participou, e que este retorno venha com um feedback qualitativo. São nas entrevistas que os candidatos têm o primeiro e principal contato. É neste momento em que o RH estratégico pode fazer a diferença ao apresentar a melhor imagem da empresa a ponto que o candidato advogue por ela, ao reconhecer a qualidade no tratamento de todo o processo seletivo que participou.

Veja também

Como reduzir o turnover por meio de um processo seletivo de qualidade09/01/19 "Para reduzir o turnover, a empresa deve pensar no bem-estar e na motivação dos colaboradores A alta rotatividade de funcionários em uma empresa, o chamado turnover, é prejudicial para a cultura do negócio, para a sua gestão financeira e também para a competitividade no mercado. No primeiro caso, um grande número de desligamentos causa uma......
LIDERANÇA: INDO ALÉM DO SAUDÁVEL30/04/20 Todos esperam que um gestor tenha maturidade emocional para gerenciar e controlar sua própria ansiedade e a do grupo que ele lidera. Mas como ele pode se preparar para isso sem se exaurir? Segundo pesquisa da empresa de recrutamento Robert Half,......

Voltar para COMPARTILHANDO

USO DE COOKIES

Nós utilizamos cookies com objetivo de prover a melhor experiência no uso do nosso site. Por favor, leia nossa Política de Privacidade e nossos Termos & Condições para entender quais cookies nós usamos e quais informações coletamos em nosso site. Ao continuar sua navegação, você concorda que podemos armazenar cookies no seu dispositivo. Leia nossa Política de Privacidade.